DG recebe entidades de classe para falar sobre a reforma da Previdência

DG recebe entidades de classe para falar sobre a reforma da Previdência

O diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, recebeu na manhã desta 3ª feira (26/2) as entidades representativas das carreiras do órgão. Na reunião, o diretor geral se dispôs a fazer a interlocução com o ministro da Justiça, Sérgio Moro, para apresentar as preocupações com os impactos que a proposta de reforma da Previdência trará às carreiras policiais caso seja aprovada da forma como foi apresentada.

O presidente da Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF), Marcos Camargo, participou da reunião. “Da forma como está, o texto da proposta aniquila direitos essenciais à atividade policial, como a paridade, a integralidade e a pensão policial. Além disso, cria regras de aposentação incompatíveis com a natureza do cargo policial, o que trará grande insegurança jurídica ao desempenho das funções, que é desempenhado sob risco permanente”, explicou Camargo.

Em resposta, o diretor-geral afirmou que também tem preocupações com relação ao projeto encaminhado ao Congresso e que manterá o diálogo com as entidades. Ele também reiterou que levará a pauta ao Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Também participou da reunião o diretor de Gestão de Pessoal da PF, Delano Cerqueira Bunn.